O Baixo Clero vai mudar

O Baixo Clero vai mudar. A partir desta terça-feira o blog fica sob o comando do jornalista Emerson Dias. As postagens deixam de ser diárias, como foi feito até aqui e passam a ser semanais. O blog também contará com alguns colaboradores. O motivo da mudança são compromissos profissionais assumidos por este jornalista: assumo nesta terça-feira a função de repórter na RPC e tocar o blog concomitantemente é inviável. A proposta do Baixo Clero de discutir as agendas públicas de Londrina, do Paraná e do Brasil, abrindo espaços para que os movimentos sociais sejam ouvidos, será mantida.

O Baixo Clero surgiu em setembro de 2008, um ano de estrepitosa crise política em Londrina, ano em que cinco vereadores foram afastados, um renunciou para não ser cassado e outro não renunciou e foi cassado. Os longos plantões na porta do Gaeco em busca de informações deram origem à ideia de, digamos, um “jornalismo total”. Eu trabalhava no JL e no jornal impresso tinha que esperar o dia seguinte para entregar a notícia ao leitor. O blog encurtou o tempo entre a apuração, a redação e a apresentação ao leitor – já apontando para o que será o futuro do jornalismo.

Nove anos depois, o Baixo Clero foi acessado 2.486.320 vezes (quase dois milhões e meio de vezes – veja abaixo a audiência ano a ano) até o momento em que esse post é redigido e se consolidou como um espaço relevante de informação. Por isso a importância de mantê-lo em funcionamento. O blog já não é mais do até aqui autor: é da cidade. E continuará sendo.

Emerson Dias

O novo responsável pelo Baixo Clero, Emerson Dias, tem um perfil semelhante ao meu – exceto, é claro, pelo fato dele torcer para o Corinthians, afinal, ninguém é perfeito –  transita tanto no mercado quanto na academia. É mestre em Ciências Sociais pela UEL (mesmo mestrado que eu fiz) e doutor em Comunicação pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Abaixo, o currículo da fera:

Formado em Jornalismo pela UEL, Emerson Dias também é especialista em História e Sociedade pela UEM, mestre em Ciências Sociais pela UEL e doutor em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). As primeiras experiências em redação começaram em 1995 na TV Cidade (SBT Londrina) e Mix TV (via cabo). Como jornalista profissional diplomado, foi editor e redator do SBT em Foz do Iguaçu em 1999, atuando no telejornalismo diário e também na cobertura da Copa América realizada no Paraguai. Também em 1999, iniciou os trabalhos como repórter de sucursal pela Folha de Londrina em Foz. Entre 2001 e 2003, atuou na matriz da Folha em Londrina como Repórter II. De 2003 a 2011, foi pauteiro, produtor e editor de telejornalismo na RPC TV em Foz e Maringá, com uma pequena passagem de 5 meses pela TV Coroados em Londrina. Sempre atuou como free lancer, produzindo textos e fotografias para jornais impressos e mídias digitais, incluindo o UOL Notícias (entre 2012 e 2014). Como professor universitário, começou a lecionar na Faculdade Maringá (2008-2009). Em 2010, passou a dar aulas nos cursos de Comunicação da UEL (Jornalismo e Relações Públicas), onde está até hoje. Na pós-graduação, ministrou aulas em módulo na Pitágoras (Cinema e Documentário; Rádio e TV), Faculdade Maringá (Comunicação Empresarial); Design da UEL (Roteiro em Animação) e Cesumar (Linguagem Audiovisual e Cinema). Além de escrever artigos sobre a profissão (o jornalista enquanto ator social e sujeito histórico), também pesquisa Comunicação e Mídia Públicas, questões legais da Radiodifusão, Movimentos Sociais e Políticas Sociais. Atua ainda no núcleo de comunicação da Alma Londrina Rádio Web desde 2014, uma das mídias alternativas da cidade.

 

Os números do Baixo Clero

2017 – (1º de janeiro a 3 de julho) – 174.990

2016 – 348.997

2015 – 883.261

2014 – 141.794

2013 – 124.663

2012 – 232.368

2011 – 175.287

2010 – 153.110

2009 – 193.016

2008 – 53.834 (setembro a dezembro)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *