O que esperar do debate da TV Tarobá?

TV TAROBÁ LONDRINA - ANÚNCIO ELEIÇÕES 2016 FACE (1)

Em 24 horas, seis dos oito candidatos à prefeitura de Londrina estarão frente a frente, no debate da TV Tarobá, o primeiro a ser promovido pelas emissoras de televisão. A ausência de dois candidatos, Flávia Romagnoli (Rede) e Paulo Silva (PSol) empobrece um pouco o debate (mas não tira a relevância dele) e traz uma incógnita quanto à estratégia dos candidatos. Será um raro debate em que os candidatos governistas, Valter Orsi (PSDB), Sandra Graça (PRB) e André Trindade (PPS) estarão igualados em número aos oposicionistas Marcelo Belinati (PP), Odarlone Orente (PT) e Luciano Odebrecht (PMN). Normalmente as campanhas eleitorais têm um candidato governista contra vários oposicionistas. Em Londrina, não.

A grande curiosidade é: como será o comportamento da trinca governista? A principal hipótese é que a trinca governista se junte para “sitiar” e desgastar Marcelo Belinati, líder nas pesquisas de intenção de voto divulgadas até aqui e aqui. Sem desgastar o deputado federal, não haverá segundo turno. A questão saber o limite dessa estratégia. Além de desgastar seu adversário principal, os governistas precisam disputar entre si para saber qual deles consegue se cacifar para chegar ao segundo turno e se tornar o desafiante de Marcelo Belinati. Logo, há uma estratégia comum, mas também existem estratégias individuais a serem postas na mesa.

Entre os três oposicionistas não há estratégia comum. Marcelo Belinati será o alvo principal por liderar as pesquisas. Já Odebrecht e Odarlone precisam se cuidar para não serem reduzidos a figurantes. Para isso, precisam polarizar tanto com os governistas, quanto com o deputado do PP. O papel de franco atirador, que estará vago graças à ausência de Paulo Silva (PSol) – no debate de segunda-feira ele conseguiu protagonismo ao constranger Orsi, que não sabia o preço da passagem de ônibus, colocando nele o carimbo de “elitista” –, seria uma boa saída para que os dois não passem despercebidos, como figurantes.

O debate da TV Tarobá começa às 22h15 e o Baixo Clero está credenciado para fazer a cobertura dos bastidores, na sede da emissora.

 

  • O Ibope ouviu 602 eleitores entre o dia 19 de agosto e ontem e a margem de erro é de 4 pontos porcentuais para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95% e a pesquisa foi registrada pela Justiça Eleitoral sob o número Nº PR-09340/2016.
  • O Instituto Multicultural ouviu 640 eleitores entre os dias 20 e 22 de agosto. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob o número PR – 09285/2016, o intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Essa é a primeira pesquisa depois de definido o cenário eleitoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *