Para processo entrar na fase final, só falta interrogar Delicato

A sentença em primeiro grau da ação penal que trata da Operação Voldemort, que investiga denúncias de irregularidades na contratação de uma oficina para fazer a manutenção de veículos do governo do Estado, pode sair ainda no primeiro semestre. De acordo com o juiz Juliano Nanuncio, da 3ª Vara Criminal de Londrina, falta apenas o interrogatório do ex-diretor do Departamento de Transportes (Deto), órgão da Secretaria de Administração e Previdência (Seap), Ernani Delicato, que será feito por carta precatória, e depois será aberto o prazo para as alegações finais da defesa e do Ministério Público, fase que precede a sentença. Delicato seria ouvido em abril, mas o interrogatório foi transferido para o final de maio.

Nesse caso, um grupo que segundo o MP seria liderado pelo empresário Luiz Abi Antoun, parente do governador Beto Richa (PSDB) teria participado de um esquema para fraudar uma licitação, que foi vencida por uma oficina que teria Abi como o verdadeiro dono. Abi e os outros réus negaram em juízo tanto a fraude na licitação, quanto a acusação de que o primo do governador seria o dono da empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *