“Massacre do Centro Cívico” será lembrado com volta a Curitiba e livro

O 29 de abril, primeiro aniversário do “massacre do Centro Cívico”, não vai passar em branco. Entidades representativas de professores e servidores das escolas estaduais e professores e servidores das universidades estaduais, estão preparando manifestações para lembrar o dia em que o governo do Estado botou a Polícia Militar para bombardear por duas horas professores e servidores públicos que protestavam contra mudanças na ParanáPrevidência. Os professores devem voltar a Curitiba para lembrar a lamentável data, mas estão previstas atividades para outras cidades do Estado.

Em Londrina, o Sindiprol/Aduel marcou para a véspera, 28 de abril o lançamento do livro “Cadernos da Greve”. Esse é o primeiro de uma série de livros que vão relatar a experiência da greve do ano passado, que teve como episódio-chave o massacre do Centro Cívico. O primeiro livro vai tratar da experiência da comissão de ética da greve. O lançamento está marcado para as 19 horas, na sede do Sindiprol/Aduel, no campus da universidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *