Ativistas e entidades querem audiência pública do Copedh para discutir violência em Londrina

Ativistas de direitos humanos querem convocar uma audiência pública do Conselho Permanente de Direitos Humanos do Paraná (Copedh) para discutir a violência em Londrina. De acordo com Carlos Enrique Santana, membro da coordenação estadual do Movimento Nacional de Direitos Humanos, a proposta é fazer uma audiência pública em Londrina, ainda nesta semana. Segundo ele, os temas da audiência seriam a violência no interior do Estado, a situação da Penitenciária Estadual de Londrina (PEL II) e o sistema carcerário.

Entidades e ativistas têm demonstrado preocupação com a escalada da violência em Londrina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *